quarta-feira, 26 de janeiro de 2011

Ao Findar da Derrota


Quando iniciamos a jornada na angra dos sonhos, nossa nau, com os remos arvorados, navega rumo ao cabo das incertezas. Entre nós, ainda há os que ousem dizer que a derrota fora traçada pelo próprio destino. Do oceano das nossas aspirações, no alvorecer da Carreira Naval, de súbito nos emerge a ilusão de uma derrota pré-determinada pelos interstícios e promoções concomitante à errônea ideia da estabilidade monótona endossada por um serviço repetitivo e falto de entusiasmo.

Contrariamente, devemos ressaltar que o nosso ofício a ninguém é imposto. Quando Marinheiros se lançam ao mar, fazem-no por pura paixão e, uma vez a bordo, qualquer Marujo deveria decerto consolidar tal sentimento, até porque, os mares do comodismo poderiam ser deveras tortuosos, tornando assim a nossa comissão sobremaneira longa e enfadonha. Melhor seria, então, que tivéssemos perdido o nosso navio!

Mas, se somos Marinheiros engajados nas fainas de bordo e afirmamos, com afinco, a nossa Vocação Militar Naval, com o passar dos anos a experiência vem e nos traz merecidas medalhas e distintivos que, após três décadas ou mais, culminarão no impreterível fim da nossa derrota.

Eis que nós, Homens do Mar, vê-mo-nos ora prestes a atracar num derradeiro cais que, apesar de não nos parecer estranho ou desconhecido, não nos externa garantia alguma de que será o porto seguro ao nosso merecido aposento.

Todavia, passados esses tantos anos de bons serviços prestados, eis o reconhecimento do dever cumprido. É chegada a hora de guardar a farda. E estarão sempre na memória as boas lembranças, os nossos companheiros de jornada, os portos visitados e os amores cultivados.

Porém, o Velho Marinheiro há que ter na consciência que ainda não é contíguo o seu fim, apenas é tempo de mudança e de experimentar novas dedicações, ou ainda, hora de ensejar as antigas aspirações abreviadas pelo ininterrupto serviço. Com sorte, para apoiá-lo na reserva e adiante, restar-lhe-ão aqueles que por ele foram bem cuidados e apoiados.

Contudo, se houver em nós ainda o anseio de para a ativa regressar e conhecimentos vários compartilhar, a nossa Marinha tem tido, sim, bom grado em lançar mão da experiência de seus veteranos nos mais variados serviços, inclusive na formação e instrução dos jovens aprendizes marinheiros, bem como no aperfeiçoamento dos graduados.

Marinheiro! Dada por finda a tua derrota, sabe que foste, de alguma forma, parte importante para o desenvolvimento da tua tão valorosa instituição, tem sempre em mente que o teu navio jamais poderia ter singrado mares sem ti. Portanto, leva contigo o orgulho e a satisfação por teres cumprido tua Missão!

Marlon M4

...

quinta-feira, 20 de janeiro de 2011

Tornado em Nova Iguaçu no Rio de Janeiro


Quem foi que disse, mesmo, que não havia tornados no Brasil?

É, tô começando a achar que em 2012 o bicho vai pegar de verdade! (risos)

Será que o calendário Maia está certo?

Será que eles poderiam ter previsto o fim de tudo (dos tempos) a partir da rudimentar observação dos astros?

deveríamos nos preocupar com as atuais mudanças climáticas?

Seriam essas mudanças naturais?





Débora Santos/VC no G1


Outros tornados ocorridos no Brasil nos últimos 5 anos, de acordo com o Bom Dia Brasil:


http://g1.globo.com/bomdiabrasil/0,,MUL1519777-16020,00-METEOROLOGIA+ALERTA+PARA+CHUVA+E+VENTOS+FORTES.html


http://g1.globo.com/bomdiabrasil/0,,MUL1297367-16020,00-METEOROLOGISTA+EXPLICA+TEMPESTADES+QUE+ATINGIRAM+SUL+E+SUDESTE.html


http://g1.globo.com/bomdiabrasil/0,,MUL1297365-16020,00-NO+SUL+VENTOS+PROVOCAM+DESLIZAMENTOS+MORTES+E+DESABRIGADOS.html


http://g1.globo.com/bomdiabrasil/0,,MUL1316284-16020,00-CHUVA+E+VENTO+PROVOCAM+MORTE+NO+INTERIOR+DE+SP.html


http://g1.globo.com/bomdiabrasil/0,,MUL1320668-16020,00-CHUVA+DE+GRANIZO+ATINGE+CIDADES+DO+PARANA.html


http://g1.globo.com/bomdiabrasil/0,,MUL1298820-16020,00-SANTA+CATARINA+DECRETA+SITUACAO+DE+EMERGENCIA+EM+MUNICIPIOS.html


http://g1.globo.com/bomdiabrasil/0,,MUL1300430-16020,00-VOLUNTARIOS+AJUDAM+NA+RECONSTRUCAO+DE+CASAS+EM+SANTA+CATARINA.html


http://g1.globo.com/bomdiabrasil/0,,MUL1303122-16020,00-SC+MORADORES+TENTAM+RECUPERAR+O+QUE+PERDERAM.html


http://g1.globo.com/bomdiabrasil/0,,MUL1380297-16020,00-VENTANIA+AMEACA+PARANA+E+DEIXA+FERIDOS.html


http://g1.globo.com/bomdiabrasil/0,,MUL1401459-16020,00-ENXURRADA+LEVA+MAIS+DESTRUICAO+AO+RIO+GRANDE+DO+SUL.html


http://g1.globo.com/bomdiabrasil/0,,MUL808068-16020,00-IMAGENS+DA+SEMANA.html


http://g1.globo.com/bomdiabrasil/0,,MUL806960-16020,00-SOL+APARECE+NO+SUDESTE+E+AS+TEMPERATURAS+SOBEM+NO+FIM+DE+SEMANA.html


http://g1.globo.com/bomdiabrasil/0,,MUL807998-16020,00-A+PREVISAO+DO+TEMPO+PARA+ESTA+SEGUNDAFEIRA+EM+TODO+O+BRASIL.html


http://g1.globo.com/bomdiabrasil/0,,MUL882041-16020,00-ESPECIALISTA+ANALISA+DESASTRE+EM+SANTA+CATARINA.html


http://g1.globo.com/bomdiabrasil/0,,MUL819210-16020,00-FENOMENO+SURPREENDENTE.html


http://g1.globo.com/bomdiabrasil/0,,MUL819208-16020,00-TERCAFEIRA+DE+CHUVA+EM+QUASE+TODO+O+BRASIL.html


http://g1.globo.com/bomdiabrasil/0,,MUL816933-16020,00-A+PREVISAO+DO+TEMPO+PARA+TODO+O+PAIS.html


http://g1.globo.com/bomdiabrasil/0,,MUL815709-16020,00-A+PREVISAO+DO+TEMPO+PARA+TODO+O+BRASIL.html


http://g1.globo.com/bomdiabrasil/0,,MUL829585-16020,00-O+PERIGO+DAS+AGUAS.html


http://g1.globo.com/bomdiabrasil/0,,MUL816935-16020,00-ALERTA+NO+SUL+DO+BRASIL.html


http://g1.globo.com/bom-dia-brasil/noticia/2011/01/tornado-causa-destruicao-em-nova-iguacu-no-rio-de-janeiro.html


http://g1.globo.com/bom-dia-brasil/noticia/2010/12/tornado-impressiona-moradores-de-uberlandia-em-minas-gerais.html


http://g1.globo.com/bom-dia-brasil/noticia/2010/12/tornado-atinge-ponta-grossa-pr.html


http://g1.globo.com/bom-dia-brasil/noticia/2010/07/meteorologistas-estudam-se-tornado-atingiu-serra-gaucha-neta-quarta-feira.html


http://g1.globo.com/bom-dia-brasil/noticia/2011/01/mau-tempo-causa-estragos-em-varias-partes-do-brasil-confira-previsao.html


http://g1.globo.com/bomdiabrasil/0,,MUL1322031-16020,00-TORNADOS+ESTAO+MAIS+FREQUENTES+NO+BRASIL.html


http://g1.globo.com/bomdiabrasil/0,,MUL1034443-16020,00-TORNADO+PROVOCA+MEDO+E+DESTRUICAO+EM+SANTA+CATARINA.html


http://g1.globo.com/bomdiabrasil/0,,MUL808118-16020,00-TORNADO+EM+SANTA+CATARINA.html


http://g1.globo.com/bomdiabrasil/0,,MUL757329-16020,00-TORNADO+CAUSA+ESTRAGOS+NO+RIO+GRANDE+DO+SUL.html


http://blogs.discoverybrasil.com/noticias/2011/06/tornados-frequentes-sinalizam-mudan%C3%A7a-em-correntes-de-jato.html?campaign=twdni2

...

domingo, 16 de janeiro de 2011

Ignorância de primeiro mundo - Dinamarca

DINAMARCA - ISTO É UMA VERGONHA PARA O MUNDO


Pode-se observar anualmente este dantesco espectáculo nas ilhas Feroe (fotos abaixo), Região Autonoma da Dinamarca. É incrível que ninguém diga nada sobre um atentado ecológico monumental como este, e eles ainda estão na União Européia! Uma das nações ditas como mais avançadas do mundo.

Penso que deveríamos divulgar esse massacre para o máximo de pessoas possível.










...

Eis um bom motivo para tratar bem os outros



...

Os Alimentos Ruins e os Saudáveis

Jonny Bowden, autor dos livros Os 150 Alimentos mais Saudáveis do Planeta e As Refeições Mais Saudáveis do Mundo, fez, a pedido de ÉPOCA Online, uma lista dos alimentos que podem causar os maiores danos à nossa saúde - seja pela concentração de substâncias nocivas ou pela ausência completa de nutrientes necessários ao funcionamento de nosso corpo. O ponto comum entre os piores alimentos listados pelo especialista é que todos são industrializados.

Confira a lista dos alimentos que você deve banir do seu cardápio ou consumir com muita, muita moderação:




Batata frita: são fritas em óleo vegetal, que é reutilizado inúmeras vezes, o que aumenta a concentração de gorduras trans, o tipo mais perigoso para a saúde. A batata, em termos nutricionais, é como uma tigela cheia de açúcar. 'O prato é um pesadelo nutricional', diz Bowden.


Refrigerantes: são cheios de açúcar e outros produtos químicos. Os refrigerantes dietéticos também devem ser evitados porque estão repletos de produtos químicos e adoçantes artificiais, que não considero saudáveis. 

Salgadinhos industrializados: não têm valor nutricional nenhum e são repletos de gorduras trans, sódio e açúcares, todos elementos prejudiciais à saúde.

Algodão-doce: além de ser puro açúcar, tem corantes artificiais. É um alimento que não deveria existir, segundo o especialista.


Pão branco: é um alimento com valor nutricional nulo - tem apenas carboidratos, o que quer dizer que ajuda apenas a aumentar a conta de calorias. Prefira, sempre, pão integral.

Confira a lista dos alimentos para os quais damos pouca atenção, mas deveriam freqüentar o nosso prato mais vezes. 



1- Sardinha: é rica em proteínas e possui minerais essenciais, como magnésio, ferro e selênio, que têm ação anticancerígena. Esse tipo de peixe também ajuda o organismo a liberar o mercúrio e tem altas concentrações de omega 3, um tipo de gordura 'boa', essencial para o funcionamento do cérebro, do coração e para a redução da pressão arterial. As sardinhas são chamadas de 'comida saudável em lata' por Bowden, que aconselha que sejam compradas as preservadas no próprio óleo ou em azeite, quando não puderem ser consumidas frescas. 


2- Repolho: as folhas do vegetal contêm grandes concentrações de substâncias antioxidantes e anticancerígenas chamadas de indoles e sulforafanos. Uma pesquisa da Universidade de Stanford, nos EUA, apontou que o sulforafano é a substância química encontrada em plantas que mais eleva o nível de enzimas anticancerígenas no organismo.


3- Folha de beterraba: geralmente jogada fora, é rica em vitaminas, minerais e antioxidantes. Contém carotenóides, pigmento natural dos vegetais que ajuda a proteger os olhos contra o envelhecimento. Bowden também afirma que a beterraba em si também é um dos alimentos mais ricos que existem. As folhas podem ser comidas cruas na salada ou refogadas, como espinafre.


4- Açaí: em suco ou misturado à comida, como é feito no norte do país, o açaí é uma das frutas com maior concentração de antioxidantes. Também é rica em gorduras monoinsaturadas e poliinsaturadas, que são benéficas e auxiliam na redução do colesterol ruim e na prevenção de doenças cardíacas. Para Bowden, os brasileiros que não consomem a fruta freqüentemente desperdiçam a benção que a natureza lhes proporcionou. 


5- Goiaba: rica em fibras, minerais e vitaminas. Também possui grandes quantidades de licopeno, o mais antioxidante entre todos os carotenóides. O licopeno auxilia na prevenção do câncer de próstata e reduz os riscos de surgimento de catarata e doenças cardiovasculares.

6- Cereja fresca: tem altas concentrações de antocianina, um antiinflamatório natural. Deve ser comida ao natural ou misturada com iogurte ou vitaminas.

7- Chocolate meio-amargo: rico em flavanóides, que diminuem a pressão sangüínea e promovem o bom funcionamento do sistema circulatório, tem altas concentrações de magnésio, um mineral importante para mais de 300 processos biológicos do organismo.

8- Frutas oleaginosas: são as castanhas, as nozes e as amêndoas. Bowden afirma que todas trazem inúmeros benefícios, apesar do elevado teor calórico. Possuem muitos minerais, proteínas e altos níveis de Omega 3 e Omega 9.

9- Canela: ajuda a controlar o nível de açúcar e de colesterol no sangue, o que previne o risco de doenças cardíacas. Para usufruir dos benefícios da especiaria, basta polvilhar um pouco de canela em pó no café ou no cereal matinal.

10- Semente de abóbora: é uma grande fonte de magnésio. Esse mineral é tão importante, explica Bowden, que estudiosos franceses concluíram que homens com altas taxas de magnésio no sangue têm 40% menos chances de sofrer uma morte prematura do que aqueles com baixos índices. Para consumi-las, toste-as no forno e coma-as por inteiro, inclusive com a casca, que é rica em fibras.

...

sábado, 15 de janeiro de 2011

40 anos vivendo em um hospital


...eis um exemplo que chega a emocinar a gente.
Isso que é vontade de viver somada à superação!

Veja:



Eu, sinceramente, não sou capaz de mensurar, nem ao menos compreender, as potencialidades do cérebro humano!

...

sexta-feira, 14 de janeiro de 2011

Massacre na Costa Rica

Estão dizendo na Internet que no Rio Solimões acontece o horrível massacre da coleta de ovos de tartarugas marinhas, quando, na verdade isso ocorre na Costa Rica numa praia chamada Ostional. Veja as fotos:

Os 10 mandamentos tecnoverdes

1) Pesquise 
É importante descobrir se o fabricante tem preocupações com o ambiente e se recolherá as peças usadas para reciclagem, depois que o aparelho perder sua utilidade. Uma lista do Greenpeace classifica as companhias, de acordo com iniciativas ligadas ao ambiente.

2) Prolongue 
Você não precisa trocar de celular todos os anos ou comprar um computador com essa mesma freqüência. Quanto mais eletrônicos adquirir, maior será a quantidade de lixo eletrônico. Por isso, cuide bem de seus produtos e aprenda a evitar os constantes apelos de troca.

3) Doe 
Caso seja realmente necessário comprar um novo eletrônico quando o seu ainda estiver funcionando, doe para alguém que vá usá-lo. Dessa forma, ainda é possível prolongar a vida útil do aparelho e a pessoa que recebê-lo não precisará comprar um novo.

4) Recicle 
Os grandes fabricantes de eletrônicos oferecem programas de reciclagem. Antes de jogar aquele monitor estragado no lixo, entre em contato com a empresa (via internet ou central de atendimento telefônico) e pergunte onde as peças são coletadas. Muitas assistências também coletam esse material.

5) Substitua 
Procure sempre fazer mais com menos. Produtos que agregam várias funções, como uma multifuncional, consomem menos energia do que cada aparelho usado separadamente. Também vale minimizar o uso de recursos ligados ao ambiente: para que imprimir, se dá para ler na tela?

6) Informe-se
O usuário de tecnologia deve ser adepto ao consumo responsável, sabendo as conseqüências que seus bens causam ao ambiente. Por isso, é importante estar atento ao assunto - somente assim será possível eliminar hábitos ruins e tomar atitudes que minimizem o impacto do lixo eletrônico.

7) Opte pelo original
As empresas que falsificam produtos não seguem políticas de preservação do ambiente ou se responsabilizam pelas peças comercializadas, depois que sua vida útil chega ao fim. Por isso, é sempre importante comprar eletrônicos originais.

8) Pague 
Os produtos dos fabricantes que oferecem programas de preservação ambiental podem ser mais caros - isso porque parte dos gastos com essas iniciativas pode ser repassada para o consumidor. A diferença de preço não chega a níveis absurdos e por isso, vale a pena optar pela alternativa “verde”.

9) Economize energia 
Na hora de comprar um eletrônico, opte pelo produto que consome menos energia. Além disso, o consumidor consciente deve usar fontes de energia limpa (como a solar) sempre que possível.

10) Mobilize 
É importante passar informações sobre lixo eletrônico para frente, pois muitos usuários de tecnologia não se dão conta do tamanho do problema. Divulgue, mas evite aqueles discursos inflados e catastróficos dos “ecochatos”, que não são nada populares.


...

sexta-feira, 7 de janeiro de 2011

Passeio de ônibus

Av. Brasil nos anos 60, por Tibor Jablonsky

A cidade é viva! Ela pulsa vibrante e crescente para cima, para baixo e para todos os lados desse ilusório esquema tridimensional que arrancamos diariamente do mundo das idéias desde quando passamos a caminhar eretos. Nesse picadeiro, eu sou um mero e insignificante observador do magnífico espetáculo da metamorfose da metrópole que muda na velocidade da luz bem diante dos meus olhos. Mas, como diria Stephen Hawking, poucos são os humanos que prestam atenção nos fenômenos que nos cercam e aventam porquês e equações para tentar compreendê-los ou descrevê-los. A imensa maioria de nós simplesmente nasce, cresce, se rerpoduz e perece sem escrever um único livro - risos -, não porque não teríamos o que dizer ou como dizer, mas sim, porque não damos a mínima para isso, ou porque não temos tempo para tal, pois, simplesmente vivemos. Isso já é cansativo demais e nos basta.

Falando em viver, somos tão extraordinariamente bons em conter a entropia - construir e manter as coisas -, que realmente pensamos que fazemos isso para viver, quando, na verdade, vivemos para fazer isso! Você acha que não? Então olhe só para um cupinzeiro e tente observar o seu funcionamento e a sua organização. Agora, pegue um graveto e faça um pequeno buraco na sua parede. Logo você vai contemplar o milagre da organização social acontecendo bem diante dos seus olhos. Os soldados virão para combater o seu graveto, as babás salvarão rapidamente as larvas e os construtores, por sua vez, fecharão, mais que rapidamente, o buraco aberto por você. Esses cupins são exatamente como nós. Têm hierarquia bem estruturada e encargos muito bem definidos. Mas, e quanto à pobre Rainha? De que adianta ter uma vida tão longeva - cerca de 30 anos - se ela nem ao menos pode se locomover? Ela coloca milhares de ovos diariamente para sobreviver, ou sobrevive para fazer isso?

Quando eu ando de ônibus e refaço alguns percursos que costumava fazer antigamente, percebo, pelas mudanças e melhorias na cidade, essa incansável luta pela sobrevivência expressa no direito de ir e vir das pessoas e dos carros através das ruas, dos viadutos e das pontes.

Nosso mundo artificial é mutante e, portanto, adaptável - como o cupinzeiro é -. No entanto, por vezes uma enchente ou um furacão aparece para nos lembrar que não controlamos esse nosso complexo sistema que, na verdade, é totalmente regido pelo acaso - se preferir, pelo Graveto, ou por Deus! -. Porém, como até mesmo no caos encontramos alguma ordem, as previsões acontecem, mas, nem sempre adiantam para muita coisa.

Por isso, para mim, é muito melhor lidar com o passado. Apesar de ser nostálgico e, até mesmo, triste em alguns casos, encontro certo conforto nos tempos idos e nos espaços passados. Nas fotos e na memória esses estão aprisionados e me pareciam bem mais controláveis, deve ser porque já se foram. Daí aquela famigerada sensação de que antigamente - no meu tempo e no meu espaço - as coisas eram bem melhores.

Durante a minha viagem de ônibus pelo presente, na forma como ele se apresenta, ou seja, neste tempo e neste espaço, assusto-me um bocado. Não confio na firmeza de todas pontes e passarelas de outrora - na Av. Brasil algumas até caem mesmo! -, nem na precisão de todas as pastilhas de freio que estão a frear por aí.

Contemplo a transformação das minhas cidades e não sei o quanto, ou até quando participo dela, se é que participo efetivamente. Contudo, o que me deixa deveras melancólico é o fato de que estou lentamente sendo esquecido na obsolescência de um simples e retrógrado cupim operário que insiste em viver num tempo e num espaço passado.

Melhor a motocicleta. Pois, ela me impede de observar o percurso. Amanhã vou retirá-la da oficina.


Marlon M4

...